quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Eu, à Luz de Gardner...


A propósito da presença de Gardner, em Portugal, no próximo dia 1 de Fevereiro, reproduzo alguns parágrafos do livro Apresentações Que Falam Por Si.
"Ganhar consciência de que nem todos possuímos o mesmo tipo de inteligência, de que podemos ter interesses e perspetivas diferentes sobre um mesmo problema e que aprendemos de modo distinto é fundamental para quem deseja comunicar com qualidade.
Howard Gardner, professor de Educação na Universidade de Harvard, defende a existência de oito tipos ou padrões principais de inteligência: a verbal-linguística; a interpessoal; a intrapessoal; a lógico-matemática; a visuoespacial; a cinestésico-corporal; a musical e a naturalista.
Pensando em tantos autores que exibem os seus autorretratos, resolvi partilhar o autorretrato das minhas inteligências (segundo Gardner). Assim, sempre conhecerá um pouco melhor o autor destes textos. Cá está!"

Sem comentários:

Enviar um comentário